Potencial do agronegócio atrai serviços especializados para MS, afirma Reinaldo Azambuja

Para o governador Reinaldo Azambuja, a iniciativa da instituição contribui para a expansão da atividade econômica em Mato Grosso do Sul.

- Foto: Chico Ribeiro

O potencial do agronegócio sul-mato-grossense tem atraído, cada vez mais, serviços especializados para o Estado. Nesta sexta-feira (16.3), o Banco do Brasil inaugurou na Agência Estilo (rua Dr. Paulo Machado, em Campo Grande) um atendimento específico para produtores rurais.

Para o governador Reinaldo Azambuja, a iniciativa da instituição contribui para a expansão da atividade econômica em Mato Grosso do Sul. “Fico impressionado com o crescimento que estamos tendo com o agronegócio. Temos expansão na produção e na produtividade. Com o Banco do Brasil originando crédito e estando próximo do produtor, trazendo essa primeira agência especializada no agro, eu tenho certeza que vamos expandir ainda mais os bons negócios e fazer crescer o segmento ainda mais em todo o Estado”, afirmou.

Mato Grosso do Sul é um estado que tem vocação para o agronegócio e se destaca no cenário nacional. “Logo, os produtores rurais precisam de crédito das instituições para avançarem ainda mais com suas atividades no campo. Então, quanto mais a instituição financeira especializar o atendimento, mais rápido será o crescimento da atividade e com mais resultados positivos”, completou o governador.

Conforme o vice-presidente de agronegócios do Banco do Brasil, Tarcísio Hübner, Mato Grosso do Sul é o primeiro estado do País a ter uma agência com atendimento específico para produtores rurais. “Entre os serviços diferenciados estão a consultoria com engenheiros agrônomos e o atendimento estendido, com visitas agendadas”, explicou.

Também participaram do  lançamento do serviço especializado o secretário de Estado de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel; o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), Maurício Saito; o deputado estadual, Felipe Orro; e representantes de associações e federações ligadas ao agronegócio, além de clientes e membros da diretoria do banco.