Iniciada em 2016, pavimentação até o Capão Seco deve ficar pronta em julho, prevê o Governo

A empresa foi notificada várias vezes, a Agesul esteve na iminência de rescindir o contrato, mas desistiu, porque dependeria de outra empresa aceitar a obra com base no orçamento de 2016, já defasado.

Iniciada em 2016, pavimentação até o Capão Seco deve ficar pronta em julho, prevê o Governo - Foto: Marcos Tomé/Região News

Se não houver novos contratempos, o Governo do Estado espera concluir em julho, dentro de quatro meses, a pavimentação do trecho de 27,8 quilômetros da MS-258, entre a BR-060 e o Capão Seco, obra iniciada em setembro de 2016. Após 18 meses, só 30% da obra foi concluída, incluindo terraplanagem e 8 quilômetros de asfalto.

A obra que deveria ter ficado pronta em maio do ano passado teve o cronograma comprometido pelas dificuldades da empreiteira que enfrentou problemas com funcionários, que cobravam o recebimento de salário em atraso.

A empresa foi notificada várias vezes, a Agesul esteve na iminência de rescindir o contrato, mas desistiu, porque ficaria na dependência das outras 8 empresas participantes da licitação aceitarem a obra com base no orçamento de 2016, já defasado. A opção foi pressionar a JN Engenharia para que melhorasse a estrutura do canteiro de obras para o serviço ganhar ritmo. Uma das providências foi à subcontratação de uma empresa (a Poli) que assumiu o serviço de terraplanagem.