Saúde investiga dois novos casos de febre amarela em Mato Grosso do Sul

Segundo Secretaria do Estado de Saúde, as vítimas são homens de Chapadão do Sul (MS) e Campo Grande. As idades não foram reveladas.

- Foto: Divulgação

A Secretaria do Estado de Saúde está investigando mais dois casos de febre amarela em Mato Grosso do Sul, segundo o boletim epidemiológico do Ministério da Saúde divulgado na quarta-feira (21). As vítimas são homens, cujas idades não foram divulgadas, um de Chapadão e outro de Campo Grande.

Segundo a assessoria da Secretaria de Saúde, os exames do paciente da capital serão reavaliados porque ele começou a apresentar alguns sintomas divergentes da doença.

Os outros dois casos que já estavam em investigação é um morador de Amambai - notificado em 20 de janeiro - e o outro uma mulher do Paraná que esteve em Bonito, o município turístico sul-mato-grossense é considerado provável de infecção, e foi notificada em 29 de janeiro.

Além deles, cinco casos suspeitos foram descartados. O estado não faz parte da área de recomendação para vacina contra a febre amarela e, por isso, não vai receber mais doses de imunização.