Contas de MS têm superávit de R$ 218 milhões no 1º bimestre

Mato Grosso do Sul registrou superávit primário de R$ 218,178 milhões nas finanças

Principais aportes aos cofres do governo vieram de impostos, taxas e contribuições de melhoria - - Foto: Correio do Estado

Após encerrar o ano passado no vermelho, com déficit de R$ 451,654 milhões nas contas públicas, Mato Grosso do Sul registrou superávit primário de R$ 218,178 milhões nas finanças neste primeiro bimestre de 2018, de acordo com relatório resumido de execução orçamentária publicado ontem no Diário Oficial do Estado. 

De acordo com o secretário-adjunto de Governo e Relações Institucionais, Jader Afonso Julianelli, o chamado resultado primário ainda não compõe o pagamento de juros com as dívidas tanto com a União quanto com bancos privados, levando em conta os valores que são liquidados, isto é, aquilo que é obrigatório pagar. “Como é primeiro bimestre e ainda é início [de ano], só teremos uma noção melhor de déficit ou superávit, geral ou nominal, que seria o abaixo da linha, e não acima da linha, a partir de julho”, destacou.

NÚMEROS

Os dados do demonstrativo mostram que as receitas realizadas ficaram em R$ 2 bilhões, enquanto as despesas liquidadas somaram R$ 1,530 bilhão, sendo descontados os restos a pagar processados e não processados pagos no período.