Duro revés: Kyrie fará nova intervenção no joelho e está fora dos playoffs

Após passar por cirurgia no último dia 24 de março, armador sofrerá nova intervenção para solucionar problema de 2015

- Foto: Globo Esporte

O Boston Celtics anunciou na tarde dessa quinta-feira, que após passar por cirurgia no último 24 de março, armador sofrerá nova intervenção no joelho para corrigir um problema de 2015. No procedimento que acontece no próximo sábado, serão removidos dois parafusos implantados na região patelar do joelho do jogador quando das finais de 2015. O revés surge como grande balde de água fria nas pretensões do vice-líder do Leste em relações aos playoffs. Kyrie Irving deve voltar às atividades ligadas ao basquete entre 4 e 5 meses.

Na cirurgia do último 24 de março, houve a correção de um problema no nervo do joelho, intervenção definida pelos Celtics como "procedimento minimamente invasivo". A equipe técnica da franquia estipulou uma previsão de retorno do jogador entre três e seis semanas. Dentro desse cenário, na melhor das hipóteses, Irving voltaria a tempo da primeira rodada dos playoffs. Na pior das hipóteses, retornaria na segunda rodada. Mas, com a necessidade da remoção dos dois parafusos, chegou ao fim à temporada do armador.

Em junho de 2015, Irving fraturou o joelho (região patelar) no primeiro jogo da final contra o Golden State Warriors. À época, o astro jogava pelo Cleveland Cavaliers, ao lado de LeBron James. Campeão com o Cleveland em 2016 e número 1 do Draft de 2011, o armador teve seu desejo de seguir como astro principal de uma equipe atendido, e foi enviado para os Celtics em agosto do ano passado, em uma negociação que envolveu Isaiah Thomas e Jae Crowder. Kyrie vinha sendo a grande referência ofensiva dos Celtics na atual temporada, com médias de 24.4 pontos, 3.8 rebotes, 5.1 assistências e 49% de aproveitamento dos arremessos de quadra, sua melhor marca na carreira.

Na ausência de sua estrela maior, o time de Massachusetts irá se apoiar em Terry Rozier na armação das jogadas. Marcus Smart, segundo armador da equipe na rotação de Brad Stevens, se recupera de uma cirurgia no polegar e deve voltar durante a primeira rodada dos playoffs. O Boston é vice-líder da Conferência Leste, três jogos atrás do líder Toronto Raptors.