Pressionado por Sasha, Santos espera acordo com Inter e Zeca nesta semana

O volante Fernando Bob e o atacante William Pottker foram pedidos. Zeca iria para o Inter, a princípio, em definitivo

- Foto: Reprodução

O Santos espera concluir a negociação com o Internacional pela liberação de Zeca e a contratação em definitivo de Eduardo Sasha nesta semana. O Peixe ainda deseja um jogador por empréstimo. O volante Fernando Bob e o atacante William Pottker foram pedidos.

Zeca iria para o Inter, a princípio, em definitivo. O alvinegro estuda negociar para ter um percentual de seus direitos econômicos visando lucro no futuro. O clube entende que o lateral-esquerdo vale mais que o atacante. Zeca tem 23 anos e é campeão olímpico. Sasha tem 26 e não vinha bem no Rio Grande do Sul.

O valor de compra fixado no contrato de empréstimo de Sasha é de seis milhões de euros (cerca de R$ 25 milhões). Havia a expectativa de reduzir essa quantia até o fim do ano. O problema foi uma declaração do presidente José Carlos Peres no mês passado.

Peres prometeu a compra de Sasha. Com isso, não há motivo para o Inter exigir menos do que os R$ 25 milhões previstos em contrato. No Colorado, o atacante era reserva. Dirigentes santistas alegam que o ex-executivo Gustavo Vieira concordou com os seis milhões de euros.

O Santos crê que vencerá Zeca na audiência marcada para o dia 28 de abril. Com a pressão para contratar Eduardo Sasha, a necessidade de reforços e o desejo do lateral em formalizar um acordo, porém, o Peixe deve antecipar a situação. Se derrotar Zeca na Justiça Trabalhista, o atleta precisará se reapresentar ou pagar a multa rescisória de R$ 200 milhões para ser liberado. E se o jogador vencer, fica livre no mercado.

Antes do Internacional, Grêmio e Flamengo negociaram com o Santos, mas as tratativas não avançaram. Corinthians e Palmeiras procuraram Zeca diretamente e tentaram contratá-lo de graça. Também sem sucesso, com a negativa de seus departamentos jurídicos.