Conmebol confirma 12 seleções na próxima Copa América

O vencedor garante vaga na Copa das Confederações de 2021, no Catar.

12 seleções estão confirmadas para a próxima edição da Copa América, em junho de 2019, no Brasil - Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Na tarde desta sexta-feira, a Conmebol anunciou que 12 seleções disputarão a Copa América de 2019, no Brasil. Além dos membros da entidade, Japão e Catar foram convidados e aceitaram participar da competição, que se realizará entre 14 de junho e 7 de julho do próximo ano, em sete cidades e oito estádios brasileiros.

“A Copa América do Brasil em 2019 será uma competição apaixonante, na qual qualquer um poderá chegar ao título. Além de contar com a participação das seleções nacionais de nossas dez associações-membro, damos novamente as boas-vindas à seleção do Japão, cuja associação nos unimos com um vínculo próximo de amizade, e, pela primeira vez, contaremos com a participação do Catar, que será a anfitriã da Copa do Mundo Fifa em 2022”, disse o Presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

Inicialmente, discutia-se a ideia de 16 seleções disputarem a Copa América, mas a Conmebol manteve as 12, como nas outras edições. Além de Japão e Catar, convidadas, farão parte Brasil, Argentina, Uruguai, Chile, Paraguai, Peru, Equador, Venezuela, Colômbia e Bolívia. O vencedor garante vaga na Copa das Confederações de 2021, no Catar.

A Copa América é o torneio de seleções mais antigo do mundo, com a primeira edição disputada na Argentina, em 1916. Esta será a quinta vez que a competição será realizada no Brasil e a primeira celebrada no país desde 1989. O atual bicampeão Chile tentará manter a boa sequência, enquanto o Uruguai pretende prosseguir com sua soberania de 15 títulos, diante da Argentina, que possui 14, e do Brasil, que já levantou a taça em oito oportunidades, a última delas em 2007.