Ciclista da Funvic, Caio Godoy é flagrado no exame antidoping

Atleta de 23 anos alega ter ingerido erva-mate com folhas de coca e maconha sem saber e pode pegar até quatro anos de suspensão; equipe já estava banida pela CBC

- Foto: Globo Esporte

ais um atleta da equipe Funvic foi pego no exame antidoping. Bicampeão brasileiro de estrada da categoria sub-23, Caio Godoy está suspenso provisoriamente pela Confederação Brasileira de Ciclismo. O atleta alega ter ingerido erva-mate que não sabia estar misturada com folhas de coca e maconha durante a Volta do Uruguai, quando foi testado.

- Na hora eu me senti mal e vi que havia algo errado, eu não sabia, achei que estava tomando somente mate, como é o costume no Uruguai - disse o ciclista de 23 anos em entrevista ao site Bikemagazine, reiterando que não fez uso de nenhuma substância para melhorar o seu desempenho.

 

Caso condenado, Godoy poderá ter que cumprir quatro anos de suspensão. Esta é a segunda suspensão da Funvic em 2018. Em abril, Roberto Pinheiro da Silva, o Betinho, atual campeão brasileiro de estrada, foi provisoriamente suspenso de qualquer competição. Depois do caso, a CBC baniu todos os atletas da equipe de suas convocações. Mesmo fora da seleção, eles podem competir por conta própria em torneios internacionais.