Carreta tomba em rodovia e empresa é autuada em R$ 50 mil por contaminar córrego

O motorista que ficou ferido foi socorrido ao hospital.

- Foto: Divulgação/PMA

A PMA (Polícia Militar Ambiental) multou em R$ 50 mil uma empresa com sede em Maringá (PR) após derramar etanol às margens da rodovia BR-158, próximo à Cassilândia, a cerca de 420 km da Capital. De acordo com a PMA, a autuação ocorreu após acidente com uma carreta bitrem carregada com etanol, que tombou e derramou a carga de etanol no solo.

O tombamento da carreta afetou a tampa e parte de um dos tanques e com isso, o etanol que escorreu pelo asfalto atingiu a vegetação e contaminou o solo e o córrego Ritinha, que fica nas imediações da BR-158. O motorista que ficou ferido foi socorrido ao hospital.

 

Diante dos danos ambientais, a PMA confeccionou um auto de infração, sendo arbitrada multa no valor de R$ 50 mil contra a empresa – os responsáveis poderão responder por crime culposo de poluição, cuja pena é de seis meses a um ano de detenção.

A empresa foi notificada a realizar a remoção do material contaminante e a recuperação da área degradada, apresentando em cinco dias os resultados à PMA de Cassilândia, que encaminhará os documentos ao Ministério Publico, depois de vistoria, para constatação da recuperação.