Garagista foi morto com sete tiros de 9 milímetros por dois pistoleiros

A garagem tem o nome do pai de Alexandre, morto há alguns anos. Após a morte do fundador, o rapaz assumiu a loja, que vende carros novos e seminovos.

Comerciante foi morto na calçada de revenda de veículos - Foto: Porã News

Alexandre Mascarenhas Gonçalves, 37, foi alvejado por pelo menos sete tiros de pistola 9 milímetros nesta quinta-feira (17) em Ponta Porã.

Dono da garagem de carros Dino Veículos, localizada na Avenida Brasil, área central da cidade, Alexandre chegou a ser levado para o Hospital Regional, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com as primeiras informações apuradas pela polícia no local do crime, Alexandre estava na calçada da loja quando dois homens se aproximaram a pé e começaram a atirar. Ele foi alvejado e caiu na calçada. Os dois pistoleiros fugiram.

A garagem tem o nome do pai de Alexandre, morto há alguns anos. Após a morte do fundador, o rapaz assumiu a loja, que vende carros novos e seminovos.

Policiais do SIG (Serviço de Investigações Gerais), da Polícia Civil, recolheram cápsulas de calibre 9 milímetros ao lado do corpo e estão verificando as imagens de câmeras de segurança instaladas em frente à loja, para tentar identificar os pistoleiros. Os dois teriam fugido em um carro que os esperavam perto da loja.