Bloqueio força Seara dar folga a funcionários e suspender abate de 205 mil frangos

O frigorífico interrompeu suas atividades por volta das 3 horas da manhã e com isto 205 mil frangos deixarão de ser abatidos.

- Fotos: Marcos Tomé/Região News

A unidade de Sidrolândia da Seara decidiu suspender suas atividades nesta quarta-feira, em consequência da mobilização dos caminhoneiros, que em protesto contra o preço abusivo do óleo diesel, há três dias mantem bloqueadas as principais rodovias federais.

O frigorífico interrompeu suas atividades por volta das 3 horas da manhã e com isto 205 mil frangos deixarão de ser abatidos. Os ônibus que transportam os trabalhadores fizeram o trajeto normal para informar em cada parada, que o pessoal do setor de abate poderia voltar pra casa. O dia será aproveitado para manutenção dos equipamentos.

Na manhã desta quarta-feira um grupo de diretores da unidade, esteve no Posto Martinelli, onde os manifestantes estão concentrados, para tentar garantir a passagem dos caminhões que transportam a alimentação das aves em fase de engorda nos aviários. Sem este abastecimento, o prejuízo da interrupção se somaria ao de mortandade dos frangos alojados nas granjas.

A opção de interromper o abate, de acordo com o gerente, não decorre apenas do bloqueio da BR-060 em Sidrolândia, na saída para Maracaju. Há caminhões frigoríficos da indústria carregados de frango retidos nas rodovias de acesso aos portos de exportação. À medida que o abate continuasse, a logística de fazer novos carregamentos também estaria prejudicada, pela mesma razão, os caminhões não conseguiram chegar à unidade.

Manifestação no 3º dia

O terceiro dia da mobilização dos caminhoneiros contra a política de preços da Petrobrás e aumento do diesel mantém mais de 20 pontos bloqueados em 16 cidades de Mato Grosso do Sul. Há rodovias, com mais de um trecho bloqueado. A paralisação começou a repercutir no Estado no domingo (20), quando vários caminhoneiros decidiram não seguir viagem. Em Sidrolândia, os caminhoneiros pernoitaram no Posto Martinelli (às margens da BR-060) onde o bloqueio está concentrado.

A maior parte dos bloqueios está concentrada na BR-163. O protesto não impede a passagem de carros de passeio, ônibus e ambulâncias. Apenas motoristas de caminhões e carretas são convidados a parar e, em razão disso, o congestionamento tem sido relativamente pequeno, não passando de 1 km em cada ponto.

Os profissionais querem a redução da carga tributária sobre o diesel. Reivindicam a zeragem da alíquota de PIS/Pasep e Cofins e a isenção da Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico). Impostos representam quase a metade do valor do diesel na refinaria. A carga tributária menor daria fôlego ao setor, já que o diesel representa 42% do custo da atividade.

Multa - É importante frisar que o Código de Trânsito Brasileiro prevê uma multa no valor de R$ 3,8 mil (suspensão do direito de dirigir) para condutores que utilizam seus veículos para interditar rodovias e que a PRF poderá fazer uso de expediente caso não seja atendida a solicitação para liberação da rodovia em que seja utilizado veículos automotores.

A PRF também ressalta que interdições de rodovias são extremamente perigosas para a segurança do trânsito. Já tivemos registros de graves acidentes (ocorridos em outros Estados) como consequência da interdição, além de todos os prejuízos que esta manifestação ilegal pode causar a terceiros em seus compromissos e danos a cargas perecíveis.

A PRF recomenda que condutores adiem suas viagens. A CCR MSVia e a PRF (191) estão à disposição em seus telefones de emergência para demais esclarecimentos. 

Confira a reportagem:

Mais de 1300 caminhoneiros aderem à greve em Sidrolândia na paralisação pela redução no preço dos combustíveis. Veja reportagem

Seara Alimentos e Frigorífico Balbinos suspendem abate devido a paralisaçao do transporte

Publicado por Regiao News em Quarta-feira, 23 de maio de 2018

Veja abaixo onde ocorrem as manifestações nas rodovias estaduais:

Em Campo Grande/MS, na BR-163, km 462 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Campo Grande/MS, na BR-163, km 477 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Eldorado/MS, na BR-163, km 39 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Naviraí/MS, na BR-163, km 117 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Caarapó/MS, na BR-163, km 206 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Dourados/MS, na BR-163, km 256 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Rio Brilhante/MS, na BR-163, km 324 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Bandeirantes/MS, na BR-163, km 548 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em São Gabriel do Oeste/MS, na BR-163 km 614, há MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS, mas sem interdição.

Em Maracaju/MS, na BR-267, km 364 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Guia Lopes da Laguna/MS, na BR-267, km 474 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis. Previsão da manifestação até às 18h00.

Em Paranaíba/MS, na BR-158, km 96 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Cassilândia/MS, na BR-158, km 5 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Chapadão do Sul/MS, na BR-060, km 11 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Camapuã/MS, na BR-060 km 204 às 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Sidrolândia/MS, na BR-060, km 420 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.

Em Três Lagoas/MS, na BR-262, km 5 em 23/05/2018 06h00, rodovia permanece interditada parcialmente em virtude de MANIFESTAÇÃO DE CAMINHONEIROS que reivindicam redução no preço dos combustíveis.