Com rodovias bloqueadas, frigorífico suspende abates amanhã

A indústria abateu na manhã desta quarta 700 cabeças de gado e a carne ficará congelada até que a situação se normalize.

Bloqueio de rodovias também força Frigorífico Balbinos a suspender abate a partir de amanhã - Foto: Marcos Tomé/Região News

Além da Seara, que desde a madrugada esta com suas atividades paralisadas, o Frigorífico Balbinos não terá escala de abate nesta quinta-feira, também em consequência da mobilização dos caminhões que há três dias estão bloqueando as rodovias federais em protesto contra os preços abusivos do óleo diesel.

A indústria abateu na manhã desta quarta-feira 700 cabeças de gado e a carne ficará congelada em câmera fria até que a situação se normalize.

Em média 35 caminhões boiadeiros trazem diariamente o gado para abate e 15 caminhões frigoríficos levam a carne para os mercadores consumidores fora do Estado. Ontem, segundo dia de movimento, apenas metade das cargas saiu da unidade e provavelmente podem estar retidas em algum dos bloqueios montados país a afora. A situação de hoje ficou insustentável. Não chegou o gado para abater de manhã e nem haveria carretas para escoamento da produção.

Confira a reportagem:

Mais de 1300 caminhoneiros aderem à greve em Sidrolândia na paralisação pela redução no preço dos combustíveis. Veja reportagem

Seara Alimentos e Frigorífico Balbinos suspendem abate devido a paralisaçao do transporte

Publicado por Regiao News em Quarta-feira, 23 de maio de 2018