Inter recebe proposta e Valdívia pode não jogar mais pelo São Paulo

Fora dos planos do Colorado, com quem tem contrato até o fim de 2020, Valdívia foi emprestado ao Tricolor até o fim deste ano.

Pertencente ao Inter, Valdívia tem proposta e foi liberado pelo São Paulo - Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press

A curta trajetória de Valdívia com a camisa do São Paulo pode estar perto de seu fim. Detentor dos direitos econômicos do atleta, o Internacional recebeu uma proposta e repassou ao jogador, que demonstrou interesse e no momento a avalia. Ainda não se sabe a origem da oferta.

Comunicada pelo clube gaúcho, a diretoria tricolor liberou o meia-atacante do treino da tarde desta quarta-feira, no CT da Barra Funda, e das demais atividades da semana. Caso a negociação não dê certo, o atleta será reintegrado ao elenco comandado por Diego Aguirre.

Desta forma, o São Paulo já o considera como desfalque certo para o duelo com o Atlético-PR, neste sábado, às 16 horas (de Brasília), na Arena da Baixada, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Fora dos planos do Colorado, com quem tem contrato até o fim de 2020, Valdívia foi emprestado ao Tricolor até o fim deste ano. Em um total de 19 jogos, o camisa 21 soma três gols marcados e duas assistências.

No contrato de empréstimo, não há nenhuma cláusula que preveja uma compensação financeira ao São Paulo por uma eventual venda do atleta. O clube paulista paga R$ 300 mil de salários ao jogador. Assim, caso o negócio se concretize, economizaria R$ 1,8 milhão até dezembro.

Aos 23 anos, Valdívia vinha perdendo espaço sob o comando de Aguirre, ficando na condição de reserva nas últimas partidas. Diante do Inter, na última terça-feira, não pôde nem sequer ser relacionado por uma questão contratual.