MS é o segundo estado com maior número de abates bovinos no ano

Os dados são da Pesquisa Trimestral de Abate de Animais, divulgada ontem pelo IBGE.

Após paralisação causada pela greve, frigoríficos do Estado já operam normalmente - Foto: Valdenir Rezende/Correio do Estado

Mato Grosso do Sul abateu 8,3 mil cabeças de gado bovino a mais no primeiro trimestre deste ano em comparação ao mesmo período do ano anterior. Ao todo, foram 867.966 animais abatidos de janeiro a março deste ano, diante de 859.597 nos primeiros três meses de 2017, o equivalente a um crescimento de 1%. Os dados são da Pesquisa Trimestral de Abate de Animais, divulgada ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

De acordo com o levantamento, Mato Grosso do Sul responde pela segunda maior participação nacional em abates de bovinos (11,2%) – atrás de Mato Grosso, com 15,6% – e, com o aumento, contribuiu para impulsionar o resultado geraldo País no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período do ano anterior. 

Entre janeiro e março, foram abatidas no Brasil 7,72 milhões de cabeças de bovinos sob algum tipo de serviço de inspeção sanitária, volume 4,4% maior que a do mesmo período de 2017.  “Em comparação aos primeiros trimestres dos anos anteriores, o abate de bovinos apresenta uma recuperação em relação aos últimos dois anos, aproximando-se do dado de 2015, quando foram abatidos 7,74 milhões de animais”, destacou o IBGE.