Cueva chora e é consolado por colegas após despedida do Peru na Copa

Meia deu assistência a Guerrero no segundo gol da equipe contra a Austrália, mas perdeu pênalti em estreia contra a Dinamarca. Se tivesse marcado...

- Foto: REUTERS/Max Rossi

O meia Cueva, do Peru, chorou após a vitória da seleção sul-americana sobre a Austrália, nesta terça-feira, em Sochi. O 2 a 0, com gols de Carillo e Guerrero, colocou a equipe peruana na terceira posição do Grupo C – o time já estava eliminado, com duas derrotas nas duas primeiras rodadas.

Cueva deu o passe para o gol de Guerrero, mas ficou marcado durante a competição por ter perdido pênalti na estreia, contra a Dinamarca, quando o Peru acabou derrotado por 1 a 0.

Foi a primeira participação da seleção peruana em Copas desde 1982 e a primeira vitória no torneio em 40 anos - a última tinha sido em 1978, na Argentina, a 4 a 1 sobre o Irã.

Cueva foi o único jogador do São Paulo a disputar a Copa da Rússia. O clube brasileiro prestou uma homenagem ao meia nas redes sociais: