Aos 40 anos, Bob Bryan passa por cirurgia no quadril, mas visa volta ao circuito

Norte-americano tem retorno previsto em seis meses. Até lá, Mike Bryan segue atuando com Jack Sock.

Ele espera voltar um pouco depois do Aberto da Austrália do ano que vem - Foto: Denis Doyle/Getty Images

Parte da dupla mais vencedora da história do tênis ao lado de seu irmão gêmeo, Bob Bryan precisará interromper a carreira por cerca de seis meses. O norte-americano passará por uma cirurgia no quadril nesta semana e passará por uma longa recuperação até voltar às quadras. No entanto, mesmo aos 40 anos, o atual número 4 do mundo nas duplas planeja seu retorno ao circuito.

- Ele vai passar por uma cirurgia, infelizmente. Ele passou uma semana em Nova York com um médico que é dos melhores do mundo em quadril. Parece que serão seis meses de recuperação. Ele espera voltar um pouco depois do Aberto da Austrália do ano que vem. Parece que ele vai voltar 100%, então são boas notícias - disse seu irmão, Mike Bryan, ao site DownTheTee.

Depois de uma temporada abaixo do esperado em 2017, Bob e Mike Bryan voltaram a encontrar seu melhor nível em 2018. Até agora são a dupla com o maior número de pontos somados este ano e vinham de dois títulos (nos Masters 1000 de Monte Carlo e Miami), além de outras três finais (nos Masters 1000 de Madri e Indian Wells, e no ATP de Acapulco).

Mike Bryan segue atuando no circuito e deve disputar boa parte das próximas competições ao lado do também americano Jack Sock, com quem levou o título em Wimbledon.