Cuca ajuda em negociações e anima o presidente do Santos: “Integração”

O presidente acredita que não será necessário trazer um executivo de mercado.

Presidente do Santos aprova ajuda de Cuca na gestão - Foto: Fernando Dantas/ Gazeta Press

Na falta de um diretor de futebol após a saída de Ricardo Gomes para o Bordeaux-FRA, Cuca tem ajudado o Santos além das quatro linhas.

O técnico participa de negociações por renovação de contrato, como no caso de Robson Bambu, e auxilia em questões administrativas do clube. A iniciativa agrada ao presidente José Carlos Peres.

“Ajuda muito, até porque se o empresário não respeitar o clube ele fala com o atleta e o coloca na reserva. Futebol vencedor tem integração e participação nas decisões, sem perda de comando, o que lamentavelmente ocorre no futebol”, disse Peres, à Gazeta Esportiva. 

 

O presidente acredita que não será necessário trazer um executivo de mercado. A ideia é ter Cuca participativo e o apoio de Renato. Como antecipado pela reportagem, o treinador sugeriu o ídolo como substituto de Ricardo Gomes. 

O camisa 8 ainda está em dúvida sobre a aposentadoria e não descartava atuar por mais uma temporada. Cuca sugere atuar enquanto profissional do departamento de futebol.

“Não posso abrir esse tema, temos que conversar internamente. É um grande nome, pessoa do bem, que conhece o clube como ninguém. Pessoa pronta para um novo universo. Depende dele. Pode jogar e servindo, se aperfeiçoando, não precisa parar. Pode dar continuidade, não só no profissional, base também. Pode melhorar muito com o que vivenciou no campo fora dele. E ainda ajuda muito em campo”, disse Cuca, em entrevista coletiva no último domingo.