Dois jovens são mortos durante troca de tiros com a polícia

Dupla atuava a mando de uma quadrilha que ordenava roubos de veículos na região

Militares do Corpo de Bombeiros e peritos envolta dos corpos, esta noite - Foto: Adilson Domingos

Rodrigo Ferreira Dias, de 19 anos e Arthur Rodrigues Neto, de 18, foram mortos por volta das 18h desta quinta-feira (25), durante troca de tiros com a polícia na região da “favelinha” do Bairro Estrela Verá, em Dourados.

Os policiais estavam em busca da dupla desde o final de semana, quando entre a noite de sexta-feira (19) e a madrugada de sábado (20), pelo menos um dos rapazes participou do roubo de um Corsa Classic. Na ocasião, policiais militares foram surpreendidos a tiros.

Desde então a Polícia Civil investigava o caso até descobrirem o paradeiro dos suspeitos, nesta quinta-feira(25). Eles teriam envolvimento com uma quadrilha ligada a uma facção criminosa que teria ordenado vários roubos de veículos na região. 

“Apuramos que eles tinham uma ‘encomenda’ ou para roubar ou uma camionete à diesel ou uma SUV”, comentou o delegado titular do Sig (Setor de Investigações Gerais) Rodolfo Daltro.

Através do trabalho conjunto do Sig com agentes do 3º Batalhão da Polícia Militar, esta noite os policiais encontraram os jovens em um barraco da favela. A dupla ainda tentou fugir em meio a um matagal na região, houve troca de tiros e os suspeitos morreram na hora.Rodrigo era conhecido como “R3” e morava em Dourados já Arthur, conhecido como “Mizuno” era de São Paulo.