Com indefinição no Egito, clubes estão de olho em brasileiros do Pyramids

Equipes do Brasil e da Ásia buscam informações sobre Keno, Rodriguinho e Carlos Eduardo.

Eduardo Maluf, que representa o Pyramids no Brasil, ao lado de Ali Ramah - Foto: Reprodução

A história do Pyramids ganhou destaque após o ministro do Esporte Saudita Turki al Sheikh, responsável por levar diversos jogadores brasileiros para Arábia, também olhar o Brasil como celeiro de reforços para o clube egípcio, que é de sua propriedade. Porém, durante a temporada, e após várias polêmicas, Turki ameaçou deixar de investir no clube do Egito e a permanência de Keno, Rodriguinho e Carlos Eduardo ficou ameaçada. O GloboEsporte.com apurou que os jogadores têm sido procurados por alguns clubes brasucas e da Ásia, cientes da indefinição, e algumas negociações já avançaram. Como os investimentos foram altos, qualquer transferência precisa ser benéfica também para os cofres do time do Cairo. 

Keno soma seis gols em 11 jogos do Campeonato do Egito, é um dos destaques da campanha do Pyramids que ocupa a segunda posição com 22 pontos, quatro a menos do que o líder Zamalek. Seu nome já esteve ligado ao interesse de clubes da China e também do Al-Ittihad, da Arábia Saudita. Rodriguinho, um dos destaques do Corinthians nos últimos anos, e Carlos Eduardo, meia de 22 anos que despontou no Goiás, também são alvos de interesses. Porém, qualquer negociação terá de passar por Ali Ramah, saudita que é o representante do clube egípcio em todo o mundo e também um dos maiores agentes da Ásia. 

Ali Ramah acompanha de perto a evolução do Pyramids e cuida dos interesses do mesmo no mundo. Se há a possibilidade de negociar os brasileiros do elenco na próxima janela de transferências, em janeiro, o clube também pode ir atrás de mais reforços para seguir na briga pelo título egípcio e vaga na Liga dos Campeões da Ásia. Mais contratações no Brasil não estão descartadas e estão sendo monitoradas de perto. No Brasil e na América do Sul, quem cuida das questões envolvendo o Pyramids é o agente Eduardo Maluf.