Cinco pessoas da mesma família ficam feridas em capotagem

As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros para o pronto socorro do Hospital Regional de Amambai

Bombeiros durante socorro às vítimas. Caminhonete ficou destruída - (Fotos: Vilson Nascimento)

Cinco pessoas da mesma família ficaram feridas em capotagem de caminhonete, na tarde de ontem (1º), na MS-156, trecho que liga Amambai a Caarapó, próximo ao Córrego Casado, distante cerca de 8 km da cidade. 

O empresário Altair Rzatki, 47 anos, conduzia a Toyota  Hilux branca com mais quatro passageiros, quando saiu da pista e capotou em uma lavoura de soja. Além de Altair, seguiam no veículo a esposa dele, a educadora Eliane Pelegrini Rzatki, irmã do prefeito de Tacuru, Maria Carolina Ramos, 20 anos, e dois adolescente de 14 e 17 anos. Todos são moradores em Tacuru.

As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros para o pronto socorro do Hospital Regional de Amambai. Um adolescentes sofreu ferimento mais grave e foi socorrido para unidade de saúde de Dourados. A caminhonete ficou destruída. Policiais do BPMRv (Batalhão de Polícia Militar Rodoviária) atenderam a ocorrência. (Com informações do site A Gazeta News)