Romero diz que adiou conversas sobre renovação com o Corinthians para o ano que vem

Atacante tem contrato com o Corinthians até 14 de julho de 2019.

Romero tem contrato com o Corinthians até julho de 2019 - Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Ángel Romero deixou a conversa sobre renovação contratual com o Corinthians para o ano que vem. Ele tem contrato até 14 de julho de 2019 e em janeiro já pode assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe. 

Em entrevista à rádio "Monumental AM 1080", do Paraguai, o atacante disse que chegou a ser procurado pelos dirigentes do Corinthians neste ano, mas preferiu não avançar na negociação. 

– Tenho contrato até julho com o Corinthians, depois veremos o que se passa. Me procuraram para ver uma renovação e disse aos dirigentes do Corinthians que falaremos depois sobre isso. 

Romero é agenciado pela OTB Sports, que no Corinthians cuida da carreira também do volante Gabriel. O atacante tem 20% dos seus direitos econômicos ligados ao Corinthians. Caso não renove ou não seja negociado, o Timão terá de arcar com o custo do investimento feito por empresários. 

Entenda a situação de Romero 

Há quatro anos, o empresário brasileiro Beto Rappa bancou a compra total do jogador do Cerro Porteño por cerca de 3 milhões de dólares (R$ 6,7 milhões, na época). 

Sem pagar nada no ato, o Timão ficou com 20% dos direitos econômicos de Romero, enquanto Beto Rappa manteve 80% – a legislação da Fifa, na época, ainda permitia. Caso o jogador saia de graça em julho, o clube terá de devolver o valor investido pelo empresário brasileiro. 

Dono de 20%, o Corinthians tem direito a comprar mais 30% por R$ 2 milhões, valor fixado em contrato ainda em 2014, no ato da contratação. Por enquanto, o negócio não avançou.