Corpo de Bombeiros dão dicas de como evitar acidentes domésticos no período de férias

Os perigos podem ser evitados com cuidados simples, de acordo com os bombeiros, para proteger principalmente crianças e idosos.

- Foto: loflo69/Thinkstock/Getty Images (/)

Em período de férias, aumentam os riscos de acidentes domésticos envolvendo crianças, que passam mais tempo dentro de casa do mês de dezembro e janeiro. Os perigos podem ser evitados com cuidados simples, de acordo com os bombeiros, para proteger principalmente crianças e idosos. A corporação elaborou uma lista com dicas.

Os bombeiros explicam que, na cozinha, é importante tirar da vista das crianças as facas, lâminas, vidros além das panelas sobre o fogão, mesa e pia. Um dos maiores perigos neste cômodo da casa, está no fogão. O suporte das panelas virados para fora ficam exatamente na altura da criança, facilitando que ela tente pegá-lo, fazendo a panela cair, provocando queimaduras. O ideal é manter o suporte para dentro.

Eles ainda alertam para toalhas de mesas um pouco mais compridas em residências em que as crianças estejam apreendendo a engatinhar e tentam subir nos móveis, podendo tentar subir na mesa derrubando o que está em cima.

Os produtos de limpeza, álcool ou qualquer produto inflamável deve ficar fora do alcance. Se for utilizar álcool, opte pelo álcool em gel em decorrência do mesmo não espalhar ou espirrar facilmente sendo assim muito mais seguro que o liquido. Ao acender o fogão, a dica é que seja aceso primeiro o fósforo, isqueiro, antes de abrir o registro de gás. 

A mangueira do botijão gás nunca deve ser passada por trás do fogão, com o calor do forno a mangueira pode derreter provocando vazamento e um possível incêndio. É indicado que o botijão seja instalado do lado de fora da edificação. As crianças não devem brincar próximas as tábuas de passar, pois podem esbarrar no ferro ou tropeçar no fio.

Telas de proteção ou grades devem ser colocadas em janelas e varandas. Os móveis que podem servir de apoio para a criança alcançar a janela não devem ser usados. Também é importante colocar borrachinhas nas pontas dos móveis. Na hora do banho, os objetos usados devem ser levados para o banheiro de uma só vez, para que não seja necessário sair para buscar algo e deixar o bebê sozinho.

A área de serviço é o cômodo da casa onde mais se registra afogamentos de crianças. Os baldes com dois dedos de água já são suficientes para uma criança afogar. Uma dica é deixá-los empilhados.