Turra pede boa recepção a Sampaoli e alerta sobre cultura do futebol brasileiro

Por vezes, os técnicos argentinos no Brasil não são muito bem recebidos. Turra, pediu uma boa recepção para Sampaoli.

- Foto: FutNet.com

Uma das grandes notícias do futebol nesta quinta-feira foi o acerto entre o técnico Jorge Sampaoli e o Santos. O ex-treinador da Argentina desembarca no Brasil neste final de semana para acertar os últimos detalhes com o presidente do Peixe, José Carlos Peres.

Paulo Turra, auxiliar do Palmeiras foi presença ao lado de Abel Braga, Vanderlei Luxemburgo e Zinho no programa “Especialistas”, do canal Fox Sports. O assistente, campeão com o Verdão seu sua opinião sobre a contratação do comandante argentino para a equipe da Vila Belmiro, e frisou os problemas que podem virar desafios para Sampaoli, especialmente a cultura do futebol brasileiro.

“Todo mundo queria, mesmo depois da Copa ele continua no mercado. Vamos ver, o problema é que esses treinadores que vem lá de fora, eles não estão acostumados com a nossa cultura. Aqui é estadual e viagens longas. o Sampaoli treina forte, linhas altas, exige muito, e no Brasil isso é complicado. Em termos de experiência para ele, é muito bom”, afirmou Turra.

Por vezes, os técnicos argentinos no Brasil não são muito bem recebidos. Turra, pediu uma boa recepção para Sampaoli. Além disso, fez questão de relembrar a experiência que teve com Felipão na China.

“Tem que receber bem esse pessoal, porque quando a gente vai lá, é bem recebido, na maioria das vezes. Então a gente não pode fazer com os que vem pra cá, seja o contrário. Eu tive a experiência com o Felipe na China e foi espetacular a recepção que eles nos deram lá”, encerrou.