Esposa de Schumacher diz que família "faz tudo humanamente possível para ajudá-lo"

De tempos em tempos, Sabine Kehm, porta-voz da família, é a responsável por trazer informações.

Michael Schumacher - Foto: Reprodução/Twitter

Desde que sofreu um grave acidente em dezembro de 2013 nos Alpes Franceses, o real estado de saúde de Michael Schumacher permanece um grande mistério. De tempos em tempos, Sabine Kehm, porta-voz da família, é a responsável por trazer informações oficiais, porém sempre sem maiores detalhes. Entretanto, nesta quarta-feira foi a vez da própria Corinna Schumacher, esposa de Michael, publicar um comunicado sobre a condição atual do heptacampeão da Fórmula 1.

Confira na íntegra:

- Estamos muito felizes em comemorar o aniversário de 50 anos de Michael amanhã com vocês e obrigado do fundo de nossos corações que possamos fazer isso juntos. Como um presente dele, a Fundação Keep Fighting criou um museu virtual. O Oficial Michael Schumacher Appserá lançado amanhã para que possamos rever todos juntos os sucessos de Michael. O aplicativo é outro marco em nosso esforço para fazer justiça a ele e a vocês, os fãs, celebrando as conquistas dele. Desejamos a vocês muita diversão com isso.

Michael pode se orgulhar do que conquistou, e nós também! É por isso que nos lembramos de seus sucessos com a exposição Michael Schumacher Private Collection em Colônia (na Alemanha), publicando memórias em mídias sociais e continuando seu trabalho de caridade através da Fundação Keep Fighting. Queremos lembrar e celebrar suas vitórias, seus recordes e seu júbilo.

Vocês podem ter certeza de que ele está nas melhores mãos e que estamos fazendo tudo humanamente possível para ajudá-lo. Por favor, entendam se estamos seguindo os desejos de Michael e mantendo um assunto tão sensível como a saúde, como sempre foi, em privacidade. Ao mesmo tempo, agradecemos muito a sua amizade e desejamos a vocês um ano saudável e feliz de 2019 - Corinna Schumacher.

Exposição em Maranello

Há pouco mais de duas semanas, o Museu da Ferrari em Maranello anunciou que também fará uma homenagem a Michael Schumacher pelos 50 anos do ex-piloto da Scuderia. No dia 3 de janeiro de 2019, o museu abrirá uma exibição especial dedicada ao alemão. No anúncio oficial, a Ferrari apresentou a ideia não só como uma celebração, mas um gesto de gratidão ao piloto mais bem-sucedido pela equipe do cavalo rampante.