Espanhol faz grande partida, vence Wawrinka e vai à semifinal no ATP de Doha

Roberto Bautista Agut tem atuação espetacular, pressiona suíço em todo o confronto.

Stan Wawrinka contra Roberto Bautista Agut - Foto: REUTERS/Ibraheem Al Omari

Depois de duas grandes vitórias nas fases inaugurais, Stan Wawrinka não resistiu nesta quinta-feira e parou nas quartas de final do ATP 250 de Doha, no Catar. Isso por conta de uma atuação de alto nível do espanhol Roberto Bautista Agut (24º do ranking), que pressionou o rival em todo o jogo, sacou bem e esteve sempre firme nas devoluções para fazer 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/4 e avançar na competição.

Na semifinal, Roberto Bautista Agut pode ter um desafio muito mais complicado. Isso porque enfrenta o vencedor do embate entre Novak Djokovic, atual número 1 do mundo, e Nikoloz Basilashvili (21º).

Apesar da derrota, Wawrinka segue somando pontos no ranking. Após um 2018 de muita oscilação, uma vez que se recuperava de uma cirurgia no joelho, o suíço ocupa atualmente apenas a 66ª posição mundial. Na próxima segunda-feira, ele deve subir oito postos, ficando em 58º.

Nishikori bate Dimitrov e vai à semi em Brisbane

Kei Nishikori (9º) venceu a segunda consecutiva sem perder sets e já está na semifinal do ATP 250 de Brisbane, na Austrália. Nesta quinta-feira, o confronto foi com Grigor Dimitrov (19º) e o japonês teve atuação bastante regular para chegar o triunfo por 7/5 e 7/5. Para tentar uma vaga na decisão, Nishikori encara o francês Jeremy Chardy (40º).

O duelo começou bastante equilibrado, sem chances de quebra para qualquer lado. Após o 5/5, Nishikori precisou de três oportunidades na devolução para enfim pular à frente e fazer 7/5 na sequência. No segundo set, Dimitrov voltou melhor, abriu como uma quebra logo de cara e chegou a ter 4/1. No entanto, Nishikori se recuperou, o búlgaro passou a errar demais e, novamente, uma quebra no 11º game definiu o confronto, com novo 7/5.