Bombeiros mobilizam cães farejadores para tentar localizar morador de aldeia desaparecido

As primeiras buscas foram feitas por equipes da guarnição local, mas foi preciso chamar a equipe da Capital.

Bruno Renato Canto, 27 anos, desaparecido desde o último sábado. - Foto: Arquivo Pessoal

Uma guarnição de Campo Grande do Corpo de Bombeiros, com cães farejadores, já está trabalhando na reserva indígena Buriti, divisa de Sidrolândia e Dois Irmãos do Buriti, na tentativa de localizar Bruno Renato Canto, 27 anos, que não é indígena, mas é casado com uma terena e mora na Aldeia Buriti, localizada no município vizinho.

O rapaz, que teria problemas psiquiátricos está desaparecido desde ontem e pode ter se perdido numa região de mata fechada, vizinha do território indígena. As primeiras buscas foram feitas por equipes da guarnição local, mas foi preciso chamar a equipe da Capital, porque os cães farejadores vão facilitar o trabalho.