Homem morto com mãos amarradas e enrolado em cobertor era jardineiro

O corpo estava na Rua Bento de Souza, com as mãos amarradas e enrolado em um cobertor.

Carlos estava desaparecido desde ontem - Foto: Arquivo Pessoal

Foi identificado como o jardineiro Carlos Alberto Ribeiro da Silva, de 42 anos, o homem encontrado morto na manhã deste domingo (20), Bairro Nova Capital, em Campo Grande. O corpo estava na Rua Bento de Souza, com as mãos amarradas e enrolado em um cobertor.

A família de Carlos reconheceu o corpo nesta manhã no Imol (Instituto Médico e Odontológico Legal), depois de ver a notícia do crime ser divulgada. Segundo parentes, a vítima estava desaparecida desde ontem, 19 de janeiro e saiu de casa sem levar qualquer tipo de documento.

“Ainda não sabemos de nada”, afirmou uma sobrinha de Carlos. Conforme informações do boletim de ocorrência, o corpo da vítima foi encontrado às 5h40, enrolado em um cobertor e com as mãos amarradas com um fio de nylon.

Ele tinha ainda um pedaço de pano e um fio, aparentemente de telefone, no pescoço e vários ferimentos pelo corpo. Policiais do GOI (Grupo de Operações e Investigações) investigam o caso, que foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga como homicídio qualificado.