Novo comandante dos bombeiros quer implantar projeto social e dá prioridade à prevenção

Novo comandante do Subgrupamento de Sidrolândia planeja aprofundar a integração com a comunidade.

Segundo tenente Douglas de Oliveira de Souza Neto, durante cerimônia de troca de comando - Foto: Rafael Brites/Assessoria

O jovem comandante do Subgrupamento Independente de Bombeiros Militar de Sidrolândia, que tomou posse ontem, quinta-feira, planeja aprofundar a integração com a comunidade, desenvolvendo ações educativas, de prevenção e combate a incêndios, além de ter nos seus planos, implantar na cidade, um projeto que levou adiante em Nova Alvorada do Sul, onde também comandou a guarnição: o Bombeiros do Amanhã, iniciativa voltada para crianças e adolescentes.

Pretende desenvolver ações educativas e noções básicas de combate a incêndios nas aldeias e assentamentos. Levar palestras de orientação nas escolas e trabalhar inicialmente de forma educativa junto aos empresários para conscientizá-los sobre a necessidade as normas de segurança de prevenção de incêndio previstas na lei 4.335.

Trajetória

O segundo tenente Douglas de Oliveira de Souza Neto, vai completar 29 anos em agosto, mas já está há 9 anos na corporação na qual ingressou como soldado, em 2010. Quatro anos depois, em 2014, ingressou no curso de formação oficiais após passar no concurso. Em 2016 concluiu o curso de formação de oficiais na Academia de Bombeiros Militar de Goiás e em 2016 foi declarado aspirante a oficial e em 2017, promovido a 2º tenente. 

Serviu como Soldado de 2011 a 2014 no 1º Grupamento de Bombeiros Militar em Campo Grande; aspirante na Ajudância Geral de maio de 2016 a setembro de 2016; Comandante da 1ª Companhia do 4º Grupamento de Bombeiros Militar em Ponta Porã de 2016 a 2017; Comandante da 1ª Seção Comunitária de Bombeiros Militar em Nova Alvorada do Sul de 2017 a 2018; Chefe da SAT do 1º Grupamento de Bombeiros Militar Campo Grande de outubro de 2018 até ser transferido para Sidrolândia.