Sem Neymar, PSG goleia o Rennes pelo Francês com dois gols de Cavani

Em partida válida pela 22ª rodada, a equipe de Thomas Tuchel fez um ótimo segundo tempo e derrotou o Rennes.

Cavani marcou dois gols na vitória parisiense - (Foto: FRANCK FIFE / AFP)

Sem Neymar, que espera por uma evolução nas dores no quinto metatarso do pé direito, o Paris Saint-Germain não teve dificuldades para vencer mais uma no Campeonato Francês. Em partida válida pela 22ª rodada, a equipe de Thomas Tuchel fez um ótimo segundo tempo e derrotou o Rennes por 4 a 1 no Parque dos Príncipes.

Com Marquinhos e Daniel Alves fazendo a dupla de volantes, o PSG teve algumas dificuldades no primeiro tempo, mas saiu na frente com Cavani. No entanto, M’Baye Niang empatou para o Rennes. Na segunda etapa, os donos da casa aumentaram o ritmo e transformaram o empate em goleada, com gols de Cavani, de novo, Mbappé e Di María.

Assim, o clube parisiense segue tranquilo na liderança do Francês com 56 pontos conquistados, 13 a mais que o Lille, vice-líder, sendo que o time da capital tem duas partidas a menos. O Rennes, por sua vez, estaciona nos 30 pontos e cai para a 10ª colocação.

O Paris Saint-Germain volta aos gramados pela competição no próximo domingo, às 18 horas (de Brasília), quando encara o Lyon no Parque Olímpico. Um dia antes, às 17 horas (de Brasília), o Rennes recebe o Amiens no Roazhon Park.

O Jogo – Logo aos sete minutos de jogo, Thiago Silva fez lançamento preciso para Di María nas costas da zaga do rival. Sozinho na ponta esquerda, o argentino teve tempo de parar a bola, olhar na área e cruzar na cabeça de Cavani, que testou no contrapé do goleiro, abrindo o placar para o Paris Saint-Germain.

O Rennes, no entanto, respondeu aos 28 minutos, com M’Baye Niang. Hamari Traore passou como quis por Bernat e cruzou rasteiro para o senegalês, sozinho na pequena área, finalizar de letra, marcar um belo gol e empatar o duelo.

Se a equipe de Thomas Tuchel teve algumas dificuldades no primeiro tempo, o mesmo não aconteceu no segundo. Com 15 jogados, Thiago Silva lançou Di María, que saiu na cara do gol. Frio, o argentino encobriu o goleiro Koubek com uma cavadinha e colocou os parisienses novamente em vantagem.

Aproveitando o bom momento, Mbappé deixou o seu na sequência. Após saída de bola errada do Rennes, Draxler acionou o francês na entrada da área, onde ele finalizou rasteiro para dar mais tranquilidade ao Paris Saint-Germain na partida.

Mais tarde, foi a vez de Mbappé fazer o papel de garçom. Em contra-ataque, o camisa 7 saiu sozinho pela ponta esquerda, não foi egoísta e rolou para Cavani. Com o gol escancarado à sua frente, o uruguaio apenas rolou para as redes, decretando o 4 a 1 para os comandados de Thomas Tuchel.

Confira os resultados deste domingo pelo Campeonato Francês:

Montpellier 2×0 Caen
Amiens SC 0x1 Lyon
Toulouse 0x0 Angers