Gustavo espera 'aprender' com Love e Boselli nos treinos do Corinthians

Em alta após os três gols marcados, o camisa 19 disse que pretende aprender o máximo possível.

- Foto: Rodrigo Gazzanel

O centroavante Gustagol foi o escolhido para dar entrevista coletiva na tarde desta terça-feira, no CT Joaquim Grava, na véspera do duelo entre Corinthians e Red Bull, pela quarta rodada do Campeonato Paulista. Em alta após os três gols marcados em quatro partidas disputadas, o camisa 19 disse que pretende aprender o máximo possível com Mauro Boselli e Vagner Love, seus concorrentes na posição.

“A experiência de Love e Boselli no futebol é grande, espero aprender com eles nos treinos para que a gente possa dar muitas alegrias”, afirmou o artilheiro do Brasil no ano passado, com 30 gols marcados, que terá ao seu lado nomes que já ultrapassaram a marca dos 250 tentos anotados na carreira.

Questionado se poderia ser escalado ao lado de um ou até dos dois atletas, Gustavo utilizou o exemplo do duelo contra a Ponte para defender a viabilidade dessa sugestão. Quando o Timão anotou o único gol da vitória sobre a Macaca, ele e o argentino estavam no gramado.

“No final do segundo tempo deu certo, tanto que na hora do gol ele puxa os zagueiros e eu faço o gol. Dois rápidos também fica bom, depende do Carille, ele vai dizer o melhor para jogar”, continuou o atacante, confiante que seu retorno será muito diferente dos cinco meses em que esteve no Timão, em 2016.

“O Gustavo de hoje está mais confiante e tranquilo, faltou paciência também. Quando sai emprestado, procurei aprender, aprimorar para desenvolver um bom trabalho”, concluiu o atleta corintiano.