Com 90% dos focos nas casas, visita a imóveis começa pela região abaixo dos trilhos

A partir de segunda-feira começa a força-tarefa para visitação de todos os 10 mil imóveis da área urbana.

Com 90% dos focos nas casas, visita a imóveis começa pela região abaixo dos trilhos - Foto: Reprodução

A Secretaria Municipal de Saúde decidiu tombar os recipientes de grande porte (tambores, tanques, caixas d’água) e retirar os pequenos (vasilhames, garrafas) como parte da estratégia de combate aos focos do Aedes Aegypti, porque 90% dos focos do mosquito estão nos quintais e 10% em entulhos, galhos e material inservível (geladeiras, sofás) descartado de forma irregular nas ruas e terrenos baldios.

A partir de segunda-feira começa a força-tarefa para visitação de todos os 10 mil imóveis da área urbana. A cidade foi dividida em três lotes, o primeiro deles, abrange toda a região abaixo dos trilhos. Abrange a Grande São Bento, compreendendo o São Bento propriamente, mas também os bairros Campina Ipacaray, Sidrolar, Jardim Paraíso e Diva Nantes.

Na terça-feira será feito o trabalho na área central, bairros, Pé de Cedro, Morada da Serra, Petrópolis, Vila Tereré, Aldeia Tereré, Jandaia e Cascatinha. Na quarta-feira, será concluída o restante da área central e bairros adjacentes, como Jardim do Sul, Alfa, Santa Marta, Jardim das Paineiras, Sol Nascente, Olenka, Porto Seguro e, Carinhosa.