Comissão organizadora se reúne para definir desfecho do concurso da Prefeitura

Comissão organizadora vai um definir o desfecho do concurso público, realizado em setembro para contratação de funcionários.

Secretário de Fazenda, Tributação e Gestão Estratégica, Renato da Silva Santos - Foto: Marcos Tomé/Região News

Provavelmente ainda nesta quinta-feira a comissão organizadora, presidida pelo secretário de Fazenda, Tributação e Gestão Estratégica, Renato da Silva Santos, vai um definir o desfecho do concurso público, realizado em setembro para contratação de funcionários para a Prefeitura de Sidrolândia.

Como o Ministério Público arquivou o pedido de investigação pela Fapec, responsável pela organização do concurso sobre suposta fraude praticada por 16 candidatos, nem respaldou a eliminação deles como pretendia a fundação, caberá a comissão tomar as providencias para que seja homologado o resultado e divulgada a classificação dos aprovados.

No último dia 10 de janeiro a Fapec encaminhou oficio à promotora Danielle Borghetti, informando a eliminação de 16 candidatos por indícios de fraude e até de falsidade ideológica, levantando a suspeita de falsificação. Eles apresentaram na prova de títulos certificados emitidos pela Cursos Online SP do Brasil. Todos fizeram uma prova online oferecida pela empresa gaúcha, com aprovação garantida para quem conseguisse acertar cinco das 10 questões.

Embora a certificação valesse menos de 1 ponto na prova de títulos, a fundação zerou a nota desses candidatos colocados sob suspeita, embora muitos deles, estejam entre os primeiros colocados na prova objetiva, além de terem apresentado diplomas de graduação, pós-graduação e até mestrado.

A promotora Danielle cobrou um posicionamento da Prefeitura sobre a situação dos candidatos. Na semana passada a Fapec encaminhou à administração municipal, informou que a homologação do resultado do concurso estava na dependência do parecer do Ministério Público, além de um saldo complementar de R$ 376 mil devidos à Fapec pela organização do certame.