Vereadores e deputados discutem com a Sanesul projeto da rede de água no Capão Seco

Na agrovila são 602 lotes, com 191 casas já construídas, 275 em construção e 136 lotes sem edificação.

Vereadores e deputados discutem com a Sanesul projeto da rede de água no Capão Seco - Foto: Reprodução

A implantação de um sistema de abastecimento de água na agrovila do Capão Seco foi discutida nesta sexta-feira pela manhã com o presidente da Sanesul, Walter Carneiro Júnior. A reunião teve a participação dos vereadores Edno Ribas e Otacir Figueiredo, do secretário Municipal de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, Ivan de Oliveira Santos acompanhados dos deputados Gerson Claro (estadual) e Beto Pereira (federal).

Na agrovila são 602 lotes, com 191 casas já construídas, 275 em construção e 136 lotes sem edificação. Conforme a diretoria comercial da estatal, o projeto depende de a Energisa fazer o rebaixamento da rede de energia, serviço de sua responsabilidade.

Segundo o vereador Edno Ribas, que há pelo menos três anos encampou a reivindicação da comunidade pela rede de água, a implantação do projeto, junto com o rebaixamento da rede de energia, vai acelerar a construção de mais moradias. Atualmente só 34 moradores perfuraram poço, 52 recorrem a água do vizinho para abastecer as casas.

*Matéria atualizada para acréscimo de informações.