Treinador de Conor McGregor, Dillon Danis é suspenso e multado por briga no UFC 229

Técnico de jiu-jítsu recebe "gancho" de sete meses, retroativo ao dia 6 de outubro.

Dillon Danis é o encarregado de afiar o jiu-jítsu de McGregor — - Foto: Reprodução: Instagram

A Comissão Atlética de Nevada suspendeu, nesta segunda-feira, Dillon Danis, um dos participantes da briga generalizada do UFC 229, envolvendo Conor McGregor e Khabib Nurmagomedov, dia 6 de outubro, em Las Vegas (EUA). O técnico de jiu-jítsu do irlandês recebeu pena de sete meses e foi multado em US$ 7500 (cerca de R$ 2800).

A suspensão de Dillon Danis - que tem apenas uma luta de MMA na carreira, pelo Bellator 198, sediado em abril - é retroativa. Portanto, o atleta, que não compareceu à audiência, estará liberado para atuar novamente a partir de 6 de maio.

Dillon, que estava no córner de Conor McGregor no UFC 229, foi o alvo de Khabib Nurmagomedov, que pulou o octógono e avançou em sua direção dando início à confusão.

Khabib e McGregor, no mês passado, também não escaparam das punições. O russo, que finalizou o irlandês no quarto round e detém o cinturão dos leves, foi suspenso por nove meses, três a mais do que "Notorious".