Com Weverton, Palmeiras volta a ter um jogador na Seleção depois de dois anos

Goleiro, que tem revezado com Prass e Jailson, foi chamado por Tite para amistosos.

Weverton foi o goleiro do título olímpico do Brasil, em 2016 — - Foto: Lucas Figueiredo/MoWA Press

O Palmeiras voltou a ter um jogador convocado pela seleção brasileira depois de dois anos. Nesta quinta-feira, o goleiro Weverton teve seu nome anunciado pelo técnico Tite para os amistosos de março contra Panamá e República Tcheca.

A última convocação de um palmeirense havia sido em 17 de março de 2017, quando Dudu foi chamado para substituir o então lesionado Douglas Costa nas partidas contra Uruguai e Paraguai, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo.

A convocação de Weverton ocorre curiosamente num momento em que ele não tem sido titular absoluto do Palmeiras. Ainda que seja a primeira opção nos jogos teoricamente mais importantes, o goleiro vem revezando com Fernando Prass e Jailson.

 

O último goleiro do Palmeiras convocado para a seleção brasileira tinha sido Marcos, em 2004. Pentacampeão do mundo dois anos antes, ele foi titular em uma vitória por 5 a 2 sobre a Catalunha.

Weverton (campeão olímpico pela seleção brasileira em 2016, no Rio de Janeiro, torneio em que defendeu uma cobrança na disputa de pênaltis na final contra a Alemanha) chegou ao Palmeiras na temporada passada, quando se sagrou campeão brasileiro.

Os outros dois goleiros convocados por Tite foram Alisson, do Liverpool, e Ederson, do Manchester City.

O amistoso contra o Panamá será no dia 23 de março, no Porto. Três dias depois, em Praga, o Brasil enfrenta a República Tcheca. Essa é a última lista antes da convocação para a Copa América.