Pedidos de soltura de Temer e Moreira Franco serão julgados na quarta, diz TRF-2

Previsão era de que os habeas corpus fossem analisado nesta sexta pelo desembargador Ivan Athié.

Pedidos de soltura de Temer e Moreira Franco serão julgados na quarta, diz TRF-2 - Foto: FÁTIMA MEIRA / ESTADÃO CONTEÚDO

Os pedidos de habeas corpus do ex-presidente Michel Temer (MDB) e do ex-ministro Moreira Franco (MDB), previstos para serem analisados nesta sexta-feira (22), serão julgados apenas na quarta-feira (23) no Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2).

Mais cedo, o próprio TRF-2 informou que o relator do caso, desembargador Ivan Athié, devia analisar o pedido de habeas corpus em liminar ao longo do dia.

Nesta tarde, a Corte divulgou que a decisão foi adiada e será tomada não somente por Athié, mas pelos outros dois magistrados que compõem a Primeira Turma Especializada: Abel Gomes e o juiz federal convocado Vlamir Costa, que está cobrindo as férias do desembargador Paulo Espírito Santo.

Também entraram com recursos pedindo liberdade Vanderlei de Natalie, Carlos Alberto Costa, Maria Rita Fratezi e João Baptista Lima Filho (o coronel Lima).