Começam tramitar projetos de isenção fiscal para atacarejo da ABV e hotel na saída para Campo Grande

Está em análise nas comissões projetos que concedem isenção para dois empreendimentos.

Foi lido na última sessão ordinária e está em análise nas comissões, projetos que concedem isenção para dois empreendimentos - Fotos: Marcos Tomé/Região News

Foi lido na última sessão ordinária e está em análise nas comissões, projetos que concedem isenção para dois empreendimentos, um Atacarejo da Rede ABV, na Avenida Dorvalino dos Santos, e um hotel, o Recanto da Serra, em construção na saída para Campo Grande, às margens da BR-060.

A previsão de investimento é de R$ 13,9 milhões com geração de 134 empregos diretos, enquanto a renúncia fiscal prevista é de R$ 796,5 mil. O supermercado deve ser inaugurado no início do segundo semestre, enquanto o hotel, que será construído em duas etapas, fica pronto com todos os leitos previstos em dois anos.

O Hotel Recanto da Serra, é um empreendimento de Pedro Comparin e João Ricardo Comparin, terá isenção de IPTU por 5 anos (de 2019 a 2023), com previsão de serem investidos R$ 7,5 milhões. O estabelecimento foi projetado para 60 leitos, sendo 36 na primeira etapa (com 2.248,00 metros quadrados de área construída) e mais 24 leitos, com ampliação.

Quando tudo estiver funcionando, a projeção é que sejam gerados 64 empregos diretos, sendo 20 no hotel; 14 no posto e 20 no restaurante, além de 30 empregos indiretos. A empresa deixará de pagar até 2023, R$ 8.977,82 de IPTU e durante a construção, economizará R$ 375 mil do ISSQN incidente.

O projeto contempla um posto de gasolina (com 95 metros quadrados); área coberta para caminhões (239 metros quadrados); área para veículo (139 metros) e mais 783 metros de construção, para restaurante, lavanderias e espaço para duas lojas franqueadas.

Um dos públicos alvos, será os caminhoneiros que terão uma estrutura de pernoite na cidade, especialmente os prestadores de serviço da JBS. Hoje, eles dormem na própria cabine do caminhão. Só na compra da área já foram investidos R$ 1,2 milhão. A estrutura do prédio será toda em pré-moldado e a construção já está em andamento.

Já o Atacarejo da Rede ABV, um grupo com 23 filiais, receberá isenção de R$ 324 mil do ISSQN da construção e três anos de isenção de IPTU (a contar de 2020), representando uma renúncia fiscal de R$ 38.526,93. O investimento previsto é de R$ 6.480,000,00, com expectativa de gerar 70 empregos diretos e 30 indiretos.

Parceria da Rede Abevê de Supermercados com o empresário Jair do Nascimento, proprietário do prédio, um antigo armazém, na Avenida Dorvalino dos Santos esquina com a Rua Nioaque que abrigará o empreendimento numa área de 4.200 metros quadrados, sendo 2.650 de área construída.

O atacarejo terá estacionamento para 69 veículos, 20 motocicletas e 20 bicicletas, com espaço também para estacionar na via lateral, a Rua Nioaque. As obras de reforma e ampliação já estão em andamento.