Homem é executado por pistoleiros quando saía de motel na fronteira

Crime ocorreu nesta tarde em Pedro Juan Caballero; paraguaio tentou correr, mas foi morto com pelo menos oito tiros.

Policiais no estacionamento de motel, onde homem foi morto nesta tarde - Foto: Porã News

Um homem de 30 anos foi executado por pistoleiros quando saía de um motel na tarde desta segunda-feira (29) em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã (MS). A mulher que estava com ele não sofreu ferimentos.

Carlos desceu do carro e saiu correndo para tentar escapar dos matadores, mas foi alvejado e caiu na calçada. Os pistoleiros se aproximaram e dispararam mais tiros na cabeça da vítima.

No pátio do motel, os policiais recolheram 16 cápsulas de pistola calibre 9 milímetros, mas testemunhas afirmam que pelo menos 30 tiros foram disparados. O médico legista Marcos Prieto informou que oito tiros acertaram o alvo. A mulher foi levada para a sede da Polícia Nacional, para prestar depoimento. Ainda não há pista dos matadores.