Daltro avalia como positivo apoio da base e vai se defender em sustentação oral

Ex-prefeito considerou como “positiva”, a iniciativa do prefeito, Marcelo Ascoli de recomendar a aprovação das contas.

Ex-prefeito Daltro Fiuza avalia como positivo apoio da base - Foto: Marcos Tomé/Região News

O ex-prefeito Daltro Fiuza considerou como “positiva”, a iniciativa do prefeito de Sidrolândia, Marcelo Ascoli, que na manhã desta quarta-feira se reuniu com vereadores da sua base na Câmara e recomendou a aprovação das contas da gestão de Daltro referentes ao exercício de 2008.

O ex-prefeito disse que já comunicou a Câmara que vai estar na terça-feira para apresentar defesa em sustentação oral no julgamento das suas contas.

Daltro mostra confiança que conseguirá os 10 votos necessários para que as contas sejam aprovadas. “O parecer da Comissão de Orçamento e Finanças foi favorável à aprovação. O Tribunal de Contas não apontou nada que caracterize dolo, desvio de recursos públicos”, destaca.

Na avaliação do ex-prefeito, há um viés eleitoral nesta questão, já que sempre este parecer prévio do TCE pela rejeição das contas de 2008 aparece as vésperas do processo eleitoral. “A Justiça Eleitoral tem manifestado reiteradas vezes que só cabe inelegibilidade, em caso de reprovação das contas, quando fica caracterizado o dolo na prática da suposta irregularidade", destaca.