Galdino vai se filiar ao PT e Ortega assume o PSD

Ex-vereador Antônio Galdino voltará ao partido pelo qual exerceu mandato. Clayton Ortega será o presidente do PSD.

Ex-vereador Antônio Galdino voltará a se filiar no PT - Foto: Marcos Tomé/Região News

Os partidos começam a se articular para reforçar seus quadros visando a formação de chapas competitivas para disputar a Câmara Municipal. No sábado o presidente regional do Partido dos Trabalhadores, ex-deputado Zeca do PT, estará participando de uma reunião com a militância que será reforçada pelo ex-vereador Antônio Galdino que voltará ao partido pelo qual exerceu mandato no Legislativo sidrolandense.

Na última eleição Galdino obteve 470 votos, desempenho melhor que dos vereadores Jean Nazareth, Itamar Souza e Celso Pereira. Ele volta a legenda com o aval do deputado Pedro Kemp, de quem é assessor.

Outro partido que está se reestruturando é o PSD que de uma legenda nanica assumirá um papel de protagonista na política municipal, como linha auxiliar do grupo político do prefeito Marcelo Ascoli, que está deixando o PSL. Com o aval do presidente regional, senador Nelson Trad, o secretário de Governo, Clayton Ortega, será o presidente da Executiva Municipal, enquanto a secretária Jaice Centurion ficará com a tesouraria.

Secretária Jaice Centurion, secretário Clayton Ortega, senador Nelson Trad e prefeito Marcelo Ascoli. Foto: Marcos Tomé/Região News.

Estão em andamento conversações destinadas a atrair lideranças com potencial para se candidatarem a vereador. Entre os possíveis filiados estão o técnico agrícola Cleyton Martins, que em 2016 foi candidato pelo PTN, obteve 324 votos, ficando na primeira suplência da coligação. Do PDT, o partido espera atrair Aletuza Nantes, que conquistou 470 votos e a professora Viviane Rodrigueiro que na última eleição teve 314 votos. O radialista Mauro Silva, assessor de imprensa, também vai se filiar ao PSD.