MS tem crescimento de 2,6 mil vagas de trabalho formal em abril

No total foram contratados 21.953 trabalhadores enquanto outros 19.292 foram desligados.

Comércio fechou abril com saldo de 363 vagas de trabalho no Estado - Foto: Paulo Francis

Mato Grosso do Sul encerrou abril com a abertura de 2.661 vagas de emprego, de acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgado nesta sexta-feira (24). 

No total foram contratados 21.953 trabalhadores enquanto outros 19.292 foram desligados. O setor com maior saldo de contratações foi o de serviços, com 1.250 vagas, englobando instituições de crédito, transportes e comunicações, serviços de alojamento, alimentação, médicos, odontológicos e veterinários.

A indústria de transformação fechou o mês com 562 vagas a mais e o comércio 363 postos de trabalho formal.

Na comparação com abril do ano passado, o crescimento de geração de empregos é de 67,56%. No 4º mês de 2018 o saldo foi de 1.588 postos de trabalho. Em relação a 2017, o índice é ainda melhor, com aumento de 267,54%, quando encerrou o mês com 724 vagas a mais.

No ano o saldo de vagas no Estado é de 13.357. Nos primeiros quatro meses de 2019 foram contratados 93.501 trabalhadores e 80.144 tiveram seus contratos de trabalho rompidos. No acumulado dos últimos 12 meses o saldo é positivo: 3.148 vagas, com 243.952 admissões e 240.804 desligamentos.

Campo Grande fechou abril de 2019 com 321 vagas de trabalho. Foram 8.146 contratações e 7.825 desligamentos. No ano são 1.719 postos (34.117 admissões e 32.398 desligamentos), enquanto no acumulado dos últimos 12 meses o saldo foi de 2.728 vagas formais de trabalho (95.806 admissões e 93.078 desligamentos).