Setembro começa com 30 milímetros de chuva em Sidrolândia, o maior índice do Estado

Segundo o meteorologista Natálio Abrão, Sidrolândia foi a cidade de Mato Grosso do Sul que registrou o maior índice pluviométrico neste domingo.

Setembro começa com 30 milímetros de chuva em Sidrolândia, o maior índice do Estado - Foto: Marcos Tomé/Região News

Junto com o mês de setembro, uma chuva de 30 milímetros, interrompeu um período de estiagem e muito calor, baixa unidade relativa do ar e grande quantidade de queimadas. Segundo o meteorologista Natálio Abrão, Sidrolândia foi a cidade de Mato Grosso do Sul que registrou o maior índice pluviométrico neste domingo.

Em seguida está Rio Brilhante, com acumulado de 14,2 milímetros e Santa Rita do Pardo com 11,4 milímetros. Ivinhema (12,2mm) e Juti (11,2mm) encerram a lista das cinco cidades onde mais choveu neste dia 1º. Na Capital o acumulado foi de 10,8 milímetros, ainda conforme o meteorologista Natálio Abrão.

Nas outras cidades choveu entre 1 e 6 milímetros. Confira: Água Clara (1,0mm); Bataguassu (2,6mm); Itaquiraí (3,4mm); Jardim (2,6mm); Bonito (2,8mm); Maracaju (1,6mm); Paranaíba (4,2mm); Três Lagoas (1,6mm) e Dourados (6,8mm).

Nesta segunda-feira (02) a previsão é de mais chuvas nas regiões leste nordeste e norte do Estado, ainda conforme o meteorologista.

Alerta - Campo Grande e mais 40 cidades de Mato Grosso do Sul estão na rota de alerta de perigo emitido pelo Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) neste domingo (1), sob risco de fortes tempestades.

O aviso emitido às 11h20 prevê fortes instabilidades climáticas até às 02h em Água Clara, Anastácio, Anaurilândia, Angélica, Aquidauana, Bandeirantes, Bataguassu, Batayporã, Brasilândia, Caarapó, Camapuã, Campo Grande, Corguinho, Deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Dourados, Fátima do Sul e Glória de Dourados.

Além delas, Itaporã, Ivinhema, Jaraguari, Jateí, Juti, Maracaju, Naviraí, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul, Paraíso das Águas, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Rochedo, Santa Rita do Pardo, Selvíria, Sidrolândia, Taquarussu, Terenos, Três Lagoas e Vicentina estão na lista. *Com informações Campo Grande News.