Polícia investiga se bebê morto engasgado foi vítima de estupro

Criança deu entrada no hospital na noite de ontem e ferimento foi descoberto durante exame.

Equipe da Polícia Militar esteve no hospital na noite de ontem. - (Foto: Adilson Domingos)

Um bebê de um ano morreu na noite de ontem (21) no Hospital da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul) em Dourados, após se engasgar. Durante exame, a equipe médica desconfiou que a criança pudesse ter sido vítima de estupro.

Conforme apurado pelo site, a criança se engasgou e foi levada ao hospital pelos pais. Durante exame, o médico constatou uma fissura anal no bebê e acionou a polícia.

O ferimento já estava na fase de cicatrização e o abuso não teve relação com a morte da criança. A polícia vai investigar quando e quem cometeu o abuso.

O caso foi registrado na 1º Delegacia de Polícia Civil de Dourados.