Fortaleza anuncia retorno de Rogério Ceni

Técnico assume a equipe no lugar de Zé Ricardo

Rogério Ceni, técnico do Fortaleza — - Foto: Camila Lima

Rogério Ceni está de volta ao Fortaleza. Após a demissão de Zé Ricardo, anunciada pelo clube nesta sexta-feira (27), o ex-técnico do Leão retorna ao clube cearense. O Fortaleza confirmou neste domingo que o treinador já treina o time para o confronto com o Botafogo, na segunda-feira (30), às 20 horas, na Arena Castelão.

A oficialização do anúncio foi feita após a resolução de detalhes contratuais, envolvendo a rescisão de Zé Ricardo, e uma reunião com a sua comissão técnica titular, formada pelos auxiliares Charles Hembert e Nelson Simões e também pelo preparador físico Danilo Augusto - todos já trabalharam no time cearense.

 

Na primeira passagem pelo Fortaleza, Rogério Ceni foi anunciado em novembro de 2017. Sob o comando do treinador, a equipe disputou 93 partidas, venceu 51 jogos, empatou 18 e perdeu em 24 oportunidades. O Leão marcou 134 gols e sofreu 81.

Pelo Tricolor cearense, Rogério conquistou os títulos de campeão da Série B do Campeonato Brasileiro, no ano passado, do Estadual e da Copa do Nordeste, em 2019.

Ceni deixou o Fortaleza no dia 11 de agosto, e foi anunciado no Cruzeiro na manhã seguinte. Menos de dois meses após a chegada à Toca, o treinador foi demitido após o empate com o Ceará, na Arena Castelão.

O Fortaleza Esporte Clube anuncia, oficialmente, o retorno do técnico Rogério Ceni ao comando da equipe.

Ressaltamos que o Clube não negociou, em nenhuma hipótese, com Rogério Ceni e nenhum outro nome enquanto Zé Ricardo estava no cargo. Respeitou-se o limite ético entre a saída do último treinador para o início das negociações e o retorno de Ceni, prática permanente do Fortaleza Esporte Clube;

O anúncio ocorre agora em virtude da necessidade de Rogério tratar de questões pessoais. Não ocorrendo, durante este tempo, nenhuma intercorrência por questões salariais ou impasse na negociação;

Rogério Ceni respondeu positivamente a proposta feita pelo Clube na madrugada de hoje (29), às 00h40;

O retorno do técnico ao comando da equipe é recebido com alegria pelo Clube, diante da excelente relação de trabalho estabelecida durante todo o tempo em que Ceni esteve conosco;

O Fortaleza e o técnico Rogério Ceni assinaram contrato até o dia 15 de dezembro de 2019.

Trajetória

Antes de assumir o comando do Leão, o ex-goleiro passou pelo São Paulo, sua estreia como treinador. Foram sete meses no comando do time paulista. Neste período, acumulou resultados negativos como as eliminações do Estadual, Copa do Brasil e Sul-Americana. Além disso, o São Paulo somava apenas 11 pontos e ocupava a 17º lugar, quando Ceni deixou o grupo.

Se o retrospecto na função pesava contra, no Fortaleza Rogério Ceni começou com o pé direito. O comandante foi anunciado para assumir o time na campanha do acesso à Série A em 10 de novembro de 2017.

Logo que apresentado, o técnico do Leão pediu reformas no Pici. Novas instalações foram feitas no Hotel Otoni Diniz, no clube, assim como a drenagem do campo do estádio Alcides Santos e obras no espaço ecumênico, melhorias na sede administrativa, na academia e colocação do letreiro no Alcides Santos. Ceni conseguiu com patrocínios próprios a construção do campo society.

No início da Série B do Campeonato Brasileiro, passou nove rodadas invicto. O Fortaleza fez o melhor início de um time nordestino na Série B na era de pontos corridos. E igualou campanhas de outros times em anos anteriores: Corinthians, em 2008, Guarani-SP, em 2009, Chapecoense, em 2013, Botafogo, em 2015, e Vasco, em 2016.

Com Ceni no comando, o Leão conquistou o acesso e chegou ao título da Série B na partida contra o Avaí, pela 36ª rodada do Brasileirão. O tricolor soltou o grito de campeão com uma campanha de 20 vitórias, oito derrotas e oito empates em 36 jogos. No final da temporada foram 21 vitórias e 71 pontos conquistados.

Em 2019, o técnico deixou o clube antes do duelo diante do CSA, em Maceió, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.