Reeleito presidente do MDB, Daltro reafirma pré-candidatura a prefeito

Ex-prefeito Daltro Fiuza, mostrou confiança que vai conseguir registrar sua candidatura.

Ex-prefeito Daltro Fiuza reafirmou disposição de se candidatar a prefeito - Foto: Vanderi Tomé/Região News

Reeleito presidente do diretório municipal de Sidrolândia, em convenção realizada neste domingo, o ex-prefeito Daltro Fiuza, mostrou confiança que vai conseguir registrar sua candidatura e reafirmou disposição de se candidatar a prefeito na eleição de 2020.

Daltro lembra que responde a processos por irregularidades formais ou contábeis, nenhum por desvio de recursos públicos, passíveis de caracterizar improbidade administrativa, daí não ver nenhum impedimento para tentar ao cargo que já ocupou por quatro mandatos.

O ex-prefeito não parece inclinado, caso não obtenha registro da candidatura, a reeditar a eleição de 2016, quando o MDB indicou o candidato a vice na chapa vitoriosa do prefeito Marcelo Ascoli. "Vamos ter candidatos próprios", garante Fiuza, projetando um cenário no qual será o candidato.

O vice-prefeito, Wellison Muchiutti Hernandes, o Amarelo, ficou na 2ª Vice-Presidência, um posto abaixo do empresário, Acelino Cristaldo, 1º vice-presidente, que em 2012 e em 2013 (na eleição suplementar) foi candidato do MDB a prefeito.

O vereador Geosafá Pinto da Silva, ficou na secretaria geral; Maria Donizete Perdomo, a Zetti, foi escolhida secretária-adjunto; o produtor Osório Luiz Straliotto, como tesoureiro; Jabes Gabriel, 1º Vogal e Carlos Stefanello, 2º Vogal. O secretário de Infraestrutura, Nilo Cervo, filiado ao MDB, esteve na convenção, foi indicado como 3º suplente da Comissão Executiva.