Para presidente da Câmara, acesso asfaltado ao frigorífico é avanço para gerar novos empregos

A estrutura está pronta desde dezembro de 2017, mas só agora, com o anúncio da pavimentação do acesso, deve entrar em operação.

Presidente da Câmara de Sidrolândia, Carlos Henrique - Foto: Vanderi Tomé/Região News

Em operação há quase 2 anos, o Frigorífico Balbinos Agroindustrial se prepara para colocar em operação a sala da desossa e com isto, gerar 300 novos empregos. A estrutura está pronta desde dezembro de 2017, mas só agora, com o anúncio da pavimentação do acesso, deve entrar em operação.

A obra, orçada em R$ 326 mil, será custeada com recursos do Governo do Estado. O vereador e presidente da Câmara, Carlos Henrique (PDT), acompanhou o prefeito de Sidrolândia, Marcelo de Araújo Ascoli (PSL) nesta quinta-feira (3) até a cidade de Aquidauana, para encontro com o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB).

Durante reunião, o prefeito entregou nas mãos do governador o projeto executivo da obra. Em agosto, o deputado estadual Gerson Claro (PP) liderou uma comitiva de autoridades políticas e diretores da empresa, que vistoriou trechos da rua Dr. Costa Marques e parte da estrada que vai ligar a indústria a rodovia MS-162.

Segundo o empresário José Márcio Fedes, que investiu mais de R$ 50 milhões na planta frigorifica com capacidade para abater até 1000 (mil) cabeças por dia, o acesso pavimentado é o primeiro passo para que a indústria possa colocar em operação a desossa, exigência do mercado consumidor da carne bovina produzida aqui.

A expectativa é que ainda no primeiro semestre de 2020 entre em operação o segundo estágio da indústria e com isto, gerar novas oportunidades de empregos. “Estamos torcendo para que tudo ocorra dentro do planejado”, comemorou o presidente da Câmara.