Vereador Fá pede apoio do Ministério Público para coibir abusos da Energisa

Embora cobre tarifas

Vereador Geosafá da Silva encaminhou ofício à promotora Clarissa Carlotto - Foto: Vanderi Tomé/Região News

O vereador Geosafá da Silva encaminhou ofício à promotora Clarissa Carlotto, em que pede apoio a representante do Ministério Público para "coibir" o que chama de abusos cometidos pela Energisa (distribuidora de energia elétrica) contra o consumidor sidrolandense.

No documento, que teve o aval de vários colegas parlamentares, menciona as tarifas abusivas praticadas pela empresa, a péssima qualidade do serviço prestado e a falta de respostas para as reclamações dos clientes.

"Quem procura o escritório da empresa na cidade não encontra respostas. Praticamente, o único serviço prestado é o de emissão da segunda via. Fora isso, fornecem um número de telefone 0800 que também não traz nenhuma resolutividade, isto quando se consegue falar com o atendente", desabafa o vereador.

Embora cobre tarifas "extorsivas" a Energisa, conforme o vereador, presta um serviço de péssima qualidade. “Na semana passada, quando houve um temporal, com queda de árvores danos da rede, alguns clientes, inclusive donos de comércios, ficaram 18 horas sem energia elétrica”, revela. Na avaliação do vereador, a promotora, se não puder intervir, certamente vai orientar os vereadores sobre o melhor caminho (com base na legalidade) para intervir na questão.