Irritado com pouco dinheiro em caixa, assaltante agrediu funcionário da farmácia duas vezes

O suspeito armado chegou na farmácia já em tom intimatório, lhe aplicou um safanão ou uma coronhada, que ele não se recorda.

Conforme relato dos funcionários, os marginais aparentavam nervosismo e fugiram a pé. - Foto: Divulgação

O funcionário da Drogaria Pague Menos, F.D, viveu minutos que pareceram eternos, de tensão sob a mira do revólver de um dos assaltantes que ontem à noite invadiu, em companhia de um comparsa, o estabelecimento comercial, levando dinheiro, celulares e uma das câmeras de segurança.

O suspeito armado chegou na farmácia já em tom intimatório, lhe aplicou um safanão ou uma coronhada, que ele não se recorda, seguindo-se em outros numa escala crescente, quando se irritou com o dinheiro disponível no caixa, R$ 1.190,00.

F.D, a atendente D.R.S, além de um cliente que chegou quando o assalto estava em andamento, foram levados para a copa, enquanto o comparsa revirava a farmácia em busca de coisas de valor. Revirou a sala do gerente e o escritório.

Acabaram levando R$ 1.190,00, dinheiro disponível no caixa, o monitor da câmera de segurança, além de dois celulares, um do disk entrega da farmácia e o outro, pertencente a uma das atendentes.

Como toda a ação foi gravada, vai facilitar o trabalho de identificação dos suspeitos. Em nota a Polícia Civil informa que não vai prestar nenhuma informação para não atrapalhar as investigações.

Conforme relato dos funcionários, os marginais aparentavam nervosismo e fugiram a pé. Embora tenham sido orientados a baixar a cabeça enquanto estavam na loja, lembram que o rapaz armado vestia uma camiseta vermelha, tinha aproximadamente 1,75 metro de altura, rosto redondo, quase obeso. Já o outro, de 1,65 metro, é magro, estava de camiseta preta e calça jeans.