Paciente com suspeita de coronavírus em MS diz que caso foi descartado

Em redes sociais, o jovem disse que foi ao hospital atrás de um atestado e acabou em área isolada

Gabriel Santana em metrô na China - - Foto: Acervo

Com suspeita de corona vírus, Gabriel Santana, o jovem de 24 anos que está em isolamento no Hospital Regional de Ponta Porã declarou que os exames não “apontaram nada para corona” e que nesta tarde ainda terá alta. Apesar das declarações do rapaz, o caso dele ainda é tratado como suspeito, pois a Secretaria Estadual de Saúde aguarda o resultado dos exames. 

O caso foi divulgado na manhã desta quarta-feira (26) e confirmado pela Secretaria de Saúde como “suspeito”. A nota diz que o rapaz fez viagem de 14 dias pela Ásia, passando pela China e Tailândia e teve conexão na Alemanha. Ele desembarcou em Guarulhos e veio para Ponta Porã de carro.

Segundo o paciente, ele ficou na China por 1 dia, há cerca de duas semanas, e seu destino era a Tailândia. Ele teria ficado com um resfriado na Alemanha, por conta do clima gelado. “Peguei resfriado na Alemanha por conta do clima muito gelado e quando desembarquei no Brasil, o clima era de muito calor”, explica.

“Os exames não apontaram nada para corona, então, hoje vou receber alta!”, afirmou no Instagram.

Segundo o protocolo previamente estabelecido pela Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul, e de acordo com as recomendações do Ministério da Saúde, o paciente, por ter sintomas e ter viajado para região em alerta do corona vírus, foi internado no isolamento da unidade e passou por avaliação pela equipe médica do hospital para confirmação ou descarte do caso. Amostras foram coletadas para análise laboratorial de COVID-19, Influenza e outros vírus respiratórios.

“Vim pro hospital não porque suspeitava que eu estava com corona, mas sim pra pegar um atestado que prove que não tenho o corona, que se tratava de uma gripe comum e assim poder voltar trabalhar normal”, explicou Gabriel.