Bolsonaro diz que segundo teste deu negativo para coronavírus

Presidente foi submetido a novo exame na manhã desta terça (17).

O presidente Jair Bolsonaro — - Foto: Mateus Bonomi/AGIF - Agência de Fotografia/Estadão Conteúdo

O presidente Jair Bolsonaro informou nesta terça-feira (17) em uma rede social que o segundo teste ao qual ele foi submetido deu negativo para o novo coronavírus.

Bolsonaro foi submetido ao novo exame na manhã desta terça. O presidente fez o teste porque parte da comitiva que o acompanhou na semana passada na viagem à Flórida (EUA) contraiu o vírus.

"Informo que meu 2º teste para Covid-19 deu negativo. Boa noite a todos", publicou o presidente na rede social.

Bolsonaro foi submetido ao primeiro teste no último dia 12. Um dia depois, também pelas redes sociais, o presidente disse que o exame deu negativo.

Entre as pessoas que integraram a comitiva e contraíram o novo coronavírus estão o secretário de Comunicação Social da Presidência, Fábio Wajngarten, e o senador Nelsinho Trad (PSD-MS).

Coronavírus no Brasil

De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil registrou até a tarde desta terça 291 casos confirmados de coronavírus, além de 8.819 suspeitos.

Na manhã desta terça, o governo de São Paulo confirmou a primeira morte provocada pela Covid-19, doença causada pelo coronavírus.

Bolsonaro tem dito que não há motivo para "histeria", mesmo com o avanço do número de casos. O presidente chegou a dizer que "fica todo mundo maluco" se houver o que ele chama de "histeria".

"Não pode ter histeria, é isso o que sempre preguei. Se for para a histeria, fica todo mundo maluco. As consequências serão as piores possíveis. Em alguns países já têm saques acontecendo, isso pode vir para o Brasil. Pode ter aproveitamento político disso, mas a gente não quer pensar nisso daí, mas tem que ter calma. Vai passar. Desculpa aqui. É como uma gravidez, um dia vai nascer a criança. O vírus ia chegar aqui um dia e acabou chegando", afirmou Bolsonaro nesta terça.